quarta-feira, 17 de setembro de 2014

UMA NOVA CIRETRAN.











Apos 60 dias no comando da 17ª CIRETRAN de Santa Maria da Vitória-BA.  o novo Coordenador Paulo Cezar Campos Cordeiro,(Paulão) vem implementando uma nova gestão em atendimentos diferenciados dos demais antecessores fazendo com que todos os serviços relacionados á veículos desta região e de responsabilidade da 17ª CIRETRAN, que as vezes demoravam até seis meses aproximadamente  para suas soluções, hoje  os mesmos serviços são resolvidos no prazo de até 24 horas, todos os atendimentos tem prioridades para com os casos relativos às gestões anteriores que ainda não estão solucionados, podendo ser tratados direto com o próprio coordenador.  
A partir de um principio ético  que cada serviços tem a mesma importância, todos são tratados com a mesma qualidade e rapidez  no atendimento, considerando os relevantes serviços da boa equipe que cumpre as suas orientações diariamente. 
 

terça-feira, 16 de setembro de 2014

SEMPRE DEVE COMFIAR EM QUEM TEM A VERDADE.

A VERDADE VENCE A MENTIRA.
Ministério da Pesca diz que vereador do PT não utilizou benefício indevidamente
Escrito por Redação Jornal Comércio Hoje em 9 set 2014 na categoria Destaque, Geral
Com relação ao vereador de Santa Maria da Vitória, José Roberto da Silva Neves (PT) cabe esclarecer que o último Seguro-Defeso requerido é referente ao período de defeso de 01/11/2012 a 28/02/2013.

Santa Maria: Ministério da Pesca diz que vereador do PT não utilizou benefício indevidamente
IMG_0314
Com relação ao vereador de Santa Maria da Vitória, José Roberto da Silva Neves (PT) cabe
esclarecer que o último Seguro-Defeso requerido é referente ao período de defeso de 01/11/2012 a 28/02/2013.
Foram pagas duas parcelas referentes a esse defeso, a última parcela recebida do Seguro-Defeso
é referente ao mês de dezembro de 2012, como o mandado de vereador iniciou somente em
janeiro de 2013, e a partir dessa data nenhuma parcela do Seguro-Defeso foi paga, entende-se
que não houve
utilização indevida do benefício.Esclarecemos que o Seguro-Desemprego Pescador Artesanal,
conhecido como Seguro-Defeso é um benefício administrado pelo Ministério do Trabalho e Emprego – MTE, sendo uma assistência financeira temporária concedida ao pescador profissional que exerça sua
atividade de forma artesanal, individualmente ou em regime de economia familiar, ainda que com
o auxílio eventual de parceiros, que teve suas atividades paralisadas no período de defeso.De
acordo com o Inciso I, do artigo 2º Instrução Normativa MPA nº 06, de 29/6/2012, entende-se
como pescador profissional a pessoa física, brasileira ou estrangeira residente no País que,
licenciada pelo órgão público competente, exerce a pesca com fins comerciais, atendidos os
critérios estabelecidos em legislação específica (pode ter vínculo de emprego e/ou outra fonte
de renda, mas deve exercer a pesca com fins comerciais).Portanto, se a pessoa não pesca com
fins comerciais não tem direito a ter a Licença de Pescador Profissional, e consequentemente ao
 benefício do Seguro-Defeso.
No caso do Seguro-Defeso cabe salientar que um dos requisitos para o pescador requerê-lo é
não ter vínculo de emprego ou outra relação de trabalho, tampouco outra fonte de renda diversa
da decorrente da atividade pesqueira. Mais informações podem ser obtidas no endereço do
Ministério do Trabalho.
De posse dos dados/informações das pessoas que receberam o Seguro-Defeso indevidamente,
você pode apresentar a denúncia diretamente ao MTE, por meio doendereço eletrônico.
E no caso de pessoas que possuem a Licença de Pescador Profissional, mas, tendo ou não
vínculo de emprego e/ou outra fonte de renda, NÃO exercem a pesca com fins comerciais,
você pode apresentar a denúncia diretamente a Ouvidoria-Geral do MPA.
O Ministério da Pesca e Aquicultura espera que as manifestações recebidas por meio de sua
 Ouvidoria provoquem contínua melhoria dos serviços públicos prestados. Ficamos na expectativa
de tê-la atendido satisfatoriamente.
Atenciosamente,  O VEREADOR AGRADESSE AOS SEUS ELEITORES E AMIGOS QUE 
ACREDITARAM NA SUA INOCENCIA. O fato é que seus opositores tentaram denegrir 
a sua imagem. o vereador que luta sempre pelo  social e  para trazer beneficios para o 
seu municiapio. 

domingo, 14 de setembro de 2014

SE A POPULAÇÃO AJUDAR MELHORA. - COTIDIANO POLICIAL.

Ontem, 12, por volta das 20:30hs, após roubar e agredir uma jovem e levar seu celular, um bandido foi perseguido por populares por todo um quarteirão do centro de São Félix do Coribe onde invadiu diversas casas saltando muros e quebrando cercas elétricas. Uma guarnição do PETO foi encaminhada para o local onde se iniciou uma busca em todo perímetro das ruas Armínio Oliveira e Irmã Luzia.

Por volta das 21:30hs, após diversas buscas, o bandido foi encurralado e capturado pelos policiais, com a ajuda de mais de 100 moradores. "A ajuda da população foi imprescindível para a captura desse mal elemento e é isso que nós queremos, o apoio da sociedade para que possamos desempenhar um bom serviço. Temos que estreitar a relação Polícia / Comunidade aqui na nossa região pois sem o apoio deles com denúncias, fica mais difícil nosso trabalho. Reitero ainda que eles sempre podem contar com o PETO pra qualquer situação, seja ela qual for."   Disse um dos policiais.

O bandido, identificado inicialmente por ODEVAN, vulgo "Pipi", ainda foi levado pra UPA pra tratar de alguns ferimentos ocasionados pela sua fuga desesperada. 

Todos envolvidos foram encaminhados para delegacia. O celular da vítima foi recuperado.


sexta-feira, 5 de setembro de 2014

OESTE DA BAHIA.

POLICIAL (PETO) PRENDE DONO DE RINHA DE GALO EM SANTA MARIA DA VITÓRIA


No último dia (31) policiais militares do PETO da 30 CIPM prenderam Mauro Pereira .P de 53 anos, em Santa Maria da Vitória. Após receberem uma denúncia  que informava a ocorrência de rinha de galo no bairro da AABB em Santa Maria da Vitória, foi realizado buscas até que os policiais localizaram o local e constataram a veracidade do fato eles flagraram aproximadamente 20 pessoas assistindo e apostando na briga de galos.
























Diante disso o proprietário do local foi conduzido para delegacia onde foram tomadas as medidas cabíveis.Segundo informações dos frequentadores as apostas variavam de R$20,00# a R$100,00#( de vinte a cem reais). COTIDIANO POLICIAL. 

terça-feira, 2 de setembro de 2014

COMO COMFIAR NAS PESSOAS?


Vereador de Santa Maria da Vitória recebe indevidamente seguro-desemprego destinado aos pescadores artesanais

Vereador de Santa Maria da Vitória recebe indevidamente seguro-desemprego destinado aos pescadores artesanais

Publicado: 28/08/2014 15:11

 Fonte Jornal Comercio Hoje

Mesmo recebendo o desejado salário de R$ 6.000,00 e em pleno gozo do mandato, vereador José Roberto da Silva Neves, popularmente conhecido como Pequeno, recebe benefício burlando lei da seguridade social abocanhando seguro destinado aos pescadores.

O vereador foi eleito pelo Partido dos Trabalhadores de Santa Maria da Vitória, Oeste da Bahia, e é um dos nomes que figuram entre os beneficiários do programa de “Seguro-Desemprego Pescador Artesanal”.

Conforme consta no Portal da Transparência o vereador teria recebido o montante de R$ 3.844,00 (três mil, oitocentos e quarenta e quatro reais) que foi dividido em seis parcelas.

sábado, 30 de agosto de 2014

Domingos Pereira campos.

 O nosso Munícipio de Jaborandi-Ba, perde um dos seus fundadores  da região das caatingas  onde residia o cidadão conhecido por Domingos  de Rosa ou simplesmente (Domingão.) O Sr. Domingos Pereira Campos , faleceu no dia 17/08/2014, e foi sepultado no cemitério de sua região onde estão os seus ente que já se foram (cemiterio baia da aninha). Crescido na nesta região, mas conheceu bem o pais viajando para vários estados ainda a pé. A sua família externa apreços aos seus amigos que compareceram em sua ultima despedida.




sexta-feira, 29 de agosto de 2014

Jaborandi um dia cresce.

Resultado de imagem para fotos de jaborandi bahia


População do Oeste baiano cresce a 0,82% ao ano. Luís Eduardo cresce mais.

Segundo o IBGE divulgou esta semana, Luís Eduardo Magalhães, cresceu em população 4,60% em relação a julho de 2013, em julho 2014 aparece com 76.420 habitantes ante 73.061 do ano anterior.
 
Barreiras, cresceu em população 0,87% em relação a julho de 2013, em julho 2014 aparece com 152.208 habitantes ante 150.896 do ano anterior.
 
Os números de 41 municípios da região Oeste da Bahia e entornos por ordem de população são ( julho 2013, julho 2014, variação):
Barreiras ; 150.896 ; 152.208 ; 0,87%
Luís Eduardo Magalhães ; 73.061 ; 76.420 ; 4,60%
Bom Jesus da Lapa ; 68.282 ; 68.922 ; 0,94%
Barra ; 53.361 ; 53.786 ; 0,80%
Remanso ; 41.824 ; 42.056 ; 0,55%
Santa Maria da Vitória ; 41.824 ; 41.809 ; -0,04%
Pilão Arcado ; 35.237 ; 35.255 ; 0,05%
Correntina ; 32.980 ; 33.084 ; 0,32%
Serra do Ramalho ; 33.034 ; 33.022 ; -0,04%
Paratinga ; 32.258 ; 32.452 ; 0,60%
São Desidério ; 31.785 ; 32.078 ; 0,92%
Campo Alegre de Lourdes ; 29.812 ; 29.877 ; 0,22%
Carinhanha ; 29.768 ; 29.864 ; 0,32%
Santa Rita de Cássia ; 28.349 ; 28.642 ; 1,03%
Ibotirama ; 27.285 ; 27.405 ; 0,44%
Santana ; 26.998 ; 27.132 ; 0,50%
Formosa do Rio Preto ; 24.799 ; 25.074 ; 1,11%
Riachão das Neves ; 23.209 ; 23.237 ; 0,12%
Buritirama ; 21.115 ; 21.418 ; 1,43%
Cocos ; 19.281 ; 19.340 ; 0,31%
Serra Dourada ; 18.467 ; 18.428 ; -0,21%
Ibitiara ; 16.647 ; 16.614 ; -0,20%
São Félix do Coribe ; 15.443 ; 15.548 ; 0,68%
Ibipitanga ; 15.162 ; 15.231 ; 0,46%
Coribe ; 15.024 ; 15.000 ; -0,16%
Angical ; 14.762 ; 14.742 ; -0,14%
Cotegipe ; 14.390 ; 14.396 ; 0,04%
Cristópolis ; 14.189 ; 14.247 ; 0,41%
Baianópolis ; 13.892 ; 14.126 ; 1,68%
Mansidão ; 13.598 ; 13.652 ; 0,40%
Sítio do Mato ; 13.188 ; 13.256 ; 0,52%
Wanderley ; 13.089 ; 13.047 ; -0,32%
Tabocas do Brejo Velho ; 12.990 ; 13.008 ; 0,14%
Novo Horizonte ; 11.786 ; 12.085 ; 2,54%
Muquém de São Francisco ; 11.465 ; 11.552 ; 0,76%
Brejolândia ; 10.545 ; 10.624 ; 0,75%
Canápolis ; 10.130 ; 10.137 ; 0,07%
Jaborandi ; 9.417 ; 9.318 ; -1,05%
Morpará ; 8.987 ; 8.977 ; -0,11%
Feira da Mata ; 5.908 ; 5.911 ; 0,05%
Catolândia ; 3.420 ; 3.644 ; 6,55%
A população total destes municípios cresceu 0,82%, aumentando de 1.087.657 habitantes em 2013 para 1.096.624 em 2014.
Dados coletados por Diego Pereira.
Clique na imagem para ampliar
Clique na imagem para ampliar

terça-feira, 26 de agosto de 2014

SERIA UMA ATITUDE CORRETA?

10 razões para legalizar as drogas

Por Juan Carlos Hidalgo [1]
1. A legalização colocaria fim a parte exageradamente lucrativa do negócio do narcotráfico, ao trazer para a superfície o mercado negro existente.
2. A legalização reduziria dramaticamente o preço das drogas, ao acabar com os altíssimos custos de produção e intermediação que a proibição implica. Isto significa que muita gente que é viciada nestas substâncias não teria que roubar ou prostituir-se com o fim de custear o atual preço inflacionado destas substâncias.
3. Legalizar as drogas faria com que a fabricação dessas substâncias se encontre dentro do alcance das regulações próprias do mercado legal. Abaixo da proibição, não existem controles de qualidade ou vendas de doses padronizadas.
4. O narcotráfico tem estendido seus tentáculos ao cenário político dos países. A legalização acabaria com esta nefasta aliança do narcotráfico e o poder político.
5. Legalizar as drogas acabaria com um fonte importante de corrupção, a qual aumenta em todos os níveis do governo devido ao fato de uma substancial parte de toda a classe de autoridades tem sido compradas, subornadas e extorquidas por narcotraficantes, criando um grande ambiente de desconfiança por parte da população quanto ao setor público de forma geral.
6. Os governos deixariam de desperdiçar bilhões de dólares no combate as drogas, recursos que seriam destinados a combater os verdadeiros criminosos: os que violam os direitos dos demais (homicidas, fraudadores, estupradores, ladrões etc).
7. Com a legalização se acaba com o pretexto do Estado de violar nossas liberdades civis com o fim de levar a cabo esta guerra contra as drogas. Grampos telefônicos, buscas, registros legais, censura e controle de armas são atos que atentam contra nossa liberdade e autonomia como indivíduos.
8. Legalizar as drogas desativará a bomba-relógio em que se converteu a América Latina, especialmente os países andinos, América Central e México. Isto tem levado a uma intervenção crescente por parte dos EUA, país que desde quase mais de uma década vem fortalecendo sua presença militar na região de uma maneira nunca vista desde o fim da Guerra Fria.
9. Em uma sociedade onde as drogas são legais, o número de vítimas inocentes produzidas pelo consumo e venda de entorpecentes seria reduzido substancialmente. Grande quantidade de pessoas que nunca consumiram essas substâncias ou que não estão relacionadas com essa atividade se veem prejudicadas ou perdem a vida devido as “externalidades” da guerra contra as drogas: violência urbana, abusos policiais, confiscos de propriedades, revistas e buscas equivocadas, entre muitos outros casos.
10. A legalização conduzirá a sociedade a aprender a conviver com as drogas, tal e como tem feito com outras substâncias como o álcool e o cigarro. O processo de aprendizagem social é extremamente valioso para poder diminuir e internalizar os efeitos negativos que derivam do consumo e abuso de certas substâncias.
[1] Juan Carlos Hidalgo é o analista político para a América Latina do Center for Global Liberty and Prosperity. Escreve frequentemente para os jornais americanos International New York Times, Miami Herald, Forbes, Huffington Post, New York Post, El País (Espanha), La Nación (Argentina), El Tiempo (Colômbia), El Universal (México), El Comercio (Perú), e El Mercurio (Chile). Atua como comentarista recorrente nos canais BBC News, CNN en Español, Univisión, Telemundo, Voice of America, Al Jazeera e Bloomberg TV.

NOVOS LIMITES.

IBGE altera limites de 22 munícipios do oeste





O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou nas redes de comunicações e  em seu site na internet, os novos Mapas Municipais Estatísticos de 2013. A nova publicação vem com 166 alterações nos limites municipais ou distritais do Brasil.
Segundo a publicação, das 166 alterações, 143 foram na Bahia, 22 somente na região Oeste. Os municípios que tiveram alterações territoriais no Oeste da Bahia são: Baianópolis, Barra, Bom Jesus da Lapa, Brejolândia, Canápolis, Cocos, Coribe, Correntina, Ibotirama, Jaborandi, Morpará, Muquém do São Francisco, Paratinga, São Desidério, São Félix do Coribe, Sítio do Mato, Tabocas do Brejo Velho, Santa Maria da Vitória, Santana, Serra Dourada, Serra do Ramalho e Wanderley

sábado, 16 de agosto de 2014

Mensagem anteriorPróxima mensagemVoltar para as mensagens

Enc: Polemica Entrevista com o padre Paulo Henrique de Igaporã.‏  fonte

Em Sábado, 16 de Agosto de 2014 12:27, jose ribeiro lopes ribeiro lopes <jribeiro17@yahoo.com.br> escreveu:


Data: 16/08/2014

O sacerdote natural de Guanambi mas naturalizado Igaporaense pela vontade do povo da terra, tratou sem nenhuma hesitação de temas delicados como evangelização, política, homossexualismo e pedofilia dentre outros.

Programando um ciclo de entrevistas com personalidades de Igaporã (Padre, Presidente da Câmara, Prefeita, etc) e cidades circunvizinhas o Site www.igafolia.com.br (Igaporanoticias), Portal de eventos e notícias de Igaporã-BA e região, realiza Entrevista Exclusiva com o Padre Paulo Henrique. Veja:

Raio x
Pe. Paulo Henrique Neves de Souza
Naturalidade: Brasileiro, baiano, nascido na cidade de Guanambi.
Idade: 29 anos
Formação: Ano: 2003 (Propedêutico em Caetité); 2004 – 2006 – Filosofia no ISTA – Instituto Santo Tomás de Aquino em BH; 2007 – 2010 – Teologia na PUC de Belo Horizonte, onde conclui o seminário.
Ordem Religiosa: Padre Diocesano 
 

01-Igaporã Notícias: O povo católico de Igaporã, tem demonstrado grande respeito e admiração pelo seu trabalho. Alguns que nunca ou pouco frequentaram uma missa se tornaram assíduos, outros que estavam afastados retornaram, o terço dos homens apresenta grande frequência, todas as celebrações estão repletas; fala-se até mesmo no retorno de alguns evangélicos. O fato é que nenhum Sacerdote na cidade alcançou tanta unanimidade. Qual a razão do seu êxito pastoral, qual o balanço que o senhor faz de um ano de sacerdócio na cidade?
O povo de Igaporã sempre foi um povo religioso. Nossa Igreja Matriz tem 143 anos e nossa Paróquia, 52 anos. Contudo, Igaporã sofreu ao longo de anos com a falta de padres, entrada e saída de padres diferentes. Isso dificultou um trabalho que deveria ser feito na perspectiva da continuidade. O que está sendo feito na Paróquia de Igaporã, não é mérito do Padre Paulo, mas do Espírito Santo. O povo tem sede da Palavra de Deus, ama a Jesus e quer professar essa fé na Igreja fundada pelo Mestre. Eu sou padre a dois anos e meio. Contudo, tem apenas 10 meses que assumi como pároco a Paróquia de Igaporã. De fato, o balanço é positivo. O retorno dos católicos afastados é uma graça de Deus. O nascimento e renascimento das comunidades rurais, pastorais e movimentos também é algo muito positivo. Mas o trabalho está apenas começando. A muito por se fazer. O êxito do trabalho pastoral é ser humilde, amar o que se está fazendo e aprender a acolher bem as pessoas.

02-Igaporã Noticias: Além do oficio de sacerdote, o Sr ocupa o seu tempo livre de que forma, Pratica algum esporte, tem algum hobbie, a vida de padre é solitária?
Além de ser Pároco em Igaporã, sou o responsável pela PASCOM (Pastoral da Comunicação da Diocese de Caetité); estou também como diretor da Rádio Educadora Santana de Caetité, além de dar aulas no curso intensivo de teologia para leigos que acontece a cada dois meses em Caetité. E uma vez por mês dou aulas para os seminaristas propedeutas. O Padre tem uma vida intensa de atividades. Gosto de fazer atividade física, sempre que posso faço uma caminhada. Entretanto, por conta da correria, nem sempre isso é possível. Quanto à solidão, de vez em quando ela aparece. Mas a gente a manda embora com a oração, uma boa leitura e o apoio dos amigos.

03-Igaporã Noticias: Após a reforma da Igreja matriz e da casa paroquial, qual a próxima atividade ou evento a exemplo do show do Pe Alessandro, que o Sr. Pretende empreender.
A Paróquia de Igaporã é uma Paróquia com estruturas antigas, que a muito tempo não se faziam reformas. Realizamos a reforma da Igreja Matriz e agora estamos com a reforma da casa paroquial. Todos esses são empreendimentos grandiosos, pois se gasta muito mais reformando uma coisa antiga que construindo algo novo. Os projetos são inúmeros. Ainda necessitamos de muitas coisas na Paróquia. Mas estou convicto de que, algumas vamos adquirir no decorrer do tempo. Já me chamam de “padre pidão!” Tento explicar que não estou pedindo pra mim, pois todos esses bens são patrimônios do povo de Igaporã, que ficarão aí para sempre. 

04-Igaporã Noticias: Na TV aberta proliferam canais de conteúdo religioso das igrejas ditas pentecostais ou neopentecostais com uma profusão de milagres apresentados por pastores; uma igreja de resultados e também muito focada no dizimo, qual a sua opinião a respeito?
Minha opinião, com base no Evangelho de Jesus é de que não se faz evangelização com sensacionalismo. Os milagres que Jesus realizou foi para demonstrar o poder da fé, resgatando a vida e a dignidade de muitos que, por conta das doenças, eram excluídos pela sociedade. O próprio Jesus pedia para que os curados “não dissessem nada a ninguém” sobre sua cura. Isto para dizer que a verdadeira fé está para além de uma cura física. Sobre o dízimo, sabemos que ele é bíblico e muito importante, pois é um gesto de partilha, uma forma de agradecer a Deus por tudo que Ele nos deu. Contudo, na Igreja Católica, temos consciência de que não devemos explorar as pessoas. Cada um é livre e devolve a Deus de acordo com o que manda o seu coração. 

05-Igaporã Noticias: Em tempos de modernidade e liberalização, como lidar com questões polêmicas que afetam a igreja: casamento dos sacerdotes e celebração de missas por mulheres. Há alguma perspectiva de que a Igreja adote uma postura diferente com o novo Papa Francisco? 
É do conhecimento de todos que o Papa Francisco está fazendo a diferença na Igreja e no mundo. Ele nos surpreende com os seus gestos e palavras e usa do diálogo para tratar dos temas polêmicos. O casamento dos sacerdotes é algo discutido pela Igreja, mas por enquanto a decisão que se tem é pelo celibato. Eu penso que, no contexto em que vivemos, com as demandas que assumimos, não teria condições nenhuma de um padre constituir uma família. Uma família requer atenção, cuidados e o padre seria falho nesse sentido. Se tornaria até um contra testemunho para a sua comunidade. Com relação à ordenação de mulheres, sabemos que elas já ocupam um lugar de destaque na Igreja. Boa parte de nossas Pastorais e Movimentos são coordenados por mulheres. Entretanto, vejo que a Igreja ainda precisa avançar um pouco mais nesse sentido. 

06-Igaporã Noticias: O papa Francisco demonstrou um certo acolhimento quanto aos homossexuais na igreja e indignação no que se refere a pedofilia, qual a sua visão como Sacerdote, acerca desses temas? 
Se queremos anunciar Jesus, nossa atitude deve ser a Dele: sempre acolher as pessoas. Jesus acolhia aos pecadores, apesar de não ser conivente com os seus pecados. Em entrevista saindo do Brasil, após a Jornada Mundial da Juventude, o Papa Francisco, falando sobre os homossexuais, dizia que não teria capacidade de julgá-los ou recrimina-los. “Só Deus pode julgar.” De fato, por trás de um homossexual, existe uma pessoa que muitas vezes provém de uma história sofrida em vários sentidos. A psicologia explica de várias maneiras a questão da homossexualidade. Precisamos acolher tais pessoas como irmãos e ajuda-los a fazer as escolhas certas da vida, para que não tenham a sua dignidade ferida. Quanto à pedofilia, é clara a posição da Igreja, em comunhão com o Papa: quem a pratica deve ser julgado e punido por esse ato. 

07-Igaporã Noticias: Há hoje no país um profundo descrédito com os políticos tradicionais e na nossa cidade também existe um certo desencanto com os grupos políticos predominantes, por conta disso até já saíram comentários que o Sr seria imbatível caso fosse candidato a prefeito. Aqui próximo os prefeitos de Serra do Ramalho e de Santa Maria da Vitoria são padres. O Sr. Já pensou nessa possibilidade? 
Eu nasci para ser padre e amo a vocação que Deus me deu. Não tenho vocação para ser político. Entretanto, segundo a filosofia grega, o ser humano é um “animal político” ou seja, temos necessidade de nos envolver nas decisões que afetam nosso município e nosso país. Ser cristão é também ser político, lutar pela justiça e promover a fraternidade. Infelizmente, ainda não entendemos o verdadeiro sentido da política. O que se vê muitas vezes é a politicagem, jogo de interesses pessoais que dificultam o diálogo e impedem as pessoas de pensar um pouco mais sobre as reais motivações da política. Ser político é saber que se tem uma responsabilidade para com o povo que é o povo de Deus. O verdadeiro político é aquele que faz o bem, independente de quem votou nele. Precisamos amadurecer e muito em nossas decisões políticas. 

08- Igaporã Noticias: Em tempos de modernidade e internet, o senhor participa das redes sociais, como vê a utilização desse meio para evangelizar?
Eu participo sim das redes sociais e acho importantíssimo evangelizar por elas, sobretudo se quisermos alcançar a juventude. Como falei na pergunta inicial, sou o coordenador diocesano da PASCOM (Pastoral da Comunicação). Recentemente participei de um Congresso em Aparecida – SP que tratou justamente sobre a evangelização através dos meios de comunicação. A Igreja não pode deixar de utilizar desses meios. Às vezes uma mensagem, ou uma palavra amiga podem curar e salvar a vida de uma pessoa. 

09- Igaporã Noticias: Por fim, qual a sua expectativa de público para o show do padre Alessandro, ainda tem ingressos 
A expectativa é grande para o show do Pe Alessandro. Entretanto, a venda dos ingressos do primeiro lote não foi satisfatória. Desejo que o povo de Igaporã e de toda a nossa região faça o possível para participarem desse show. Será uma oportunidade única. Entendo que os valores dos ingressos estão altos, mas temos as despesas do show para pagar e o benefício que esperamos ter para continuarmos a reforma da nossa casa paroquial. Portanto, contamos com o apoio e a colaboração de todos. 

Mensagem final do Padre Paulo Henrique: Agradeço muito a Deus a oportunidade que Ele está me dando de dar minha colaboração à Paróquia de Igaporã. Trabalhamos em conjunto e com possibilidades. Devemos sonhar alto, sabendo que Deus está conosco e que os resultados são promissores. O que peço a Deus é a perseverança para todos nós. O padre não trabalha só, mas precisa do apoio da comunidade para levar a evangelização adiante. Lembremos que tudo que fazemos pela Igreja deve ter o seu fundamento em Jesus, que é a razão da nossa fé. Agradeço ao grupo do Igaporã Notícias por tornar público algumas ideias que estão no coração do Pe. Paulo Henrique. E desejo convidar a todos para a festa de Nossa Senhora do Livramento, que acontecerá de 30 de agosto a 08 de setembro. Que Deus nos abençoe.

Fonte: ASCOM

EDUARDO AVISOU, SERÁ?

Outlook.com Exibição Ativa
Vídeo de campanha de Eduardo e Marina que seria veículado no inicio do guia eleitoral
Imagens da internet
00:01:48
Adicionado em 15/08/2014
24.321 exibições
Responda a este post respondendo acima desta linha

Nova publicação em Jornal O Expresso


Eduardo: avisa ao Sarney, Renan e Collor que no meu governo serão oposição

 
 A peça de propaganda que seria a abertura da campanha de Eduardo Campos e Marina Silva, neste vídeo, mostra a vontade do candidato de não conviver com as raposas felpudas do Congresso. Isso reforça a teoria de conspiração no acidente que vitimou o ex-governador de Pernambuco. Afinal, os assassinatos de Paulo César Farias, amante e esposa, e a enormidade dos crimes descritos no livro “Honoráveis Bandidos”, além da sequencia de escândalos financeiros do atual presidente do Senado, não podem de ser indicações fortes de que qualquer ação estaria ao alcance ético dos três senadores.

quinta-feira, 14 de agosto de 2014

MORRE EDUARDO CAMPOS.

EDUARDO CAMPOS MORREU NO MESMO DIA DO AVÔ MIGUEL ARRAES

O candidato a presidente do PSB, o ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos, morreu na manhã desta quarta-feira (13) após a queda do jato particular em que viajava em um bairro residencial em Santos, no litoral paulista. Campos tinha 49 anos e morreu no mesmo dia que seu avô, Miguel Arraes, que também foi governador de Pernambuco. Arraes morreu de infecção generalizada em 13 de agosto de 2005. 

Miguel Arraes de Alencar, de 88 anos, nasceu em Araripe, no Ceará. Filho de pequenos agricultores, estudou direito no Rio de Janeiro, mas concluiu o curso no Recife. Começou a carreira política em 1947, como secretário da Fazenda de Pernambuco. Três anos depois, foi eleito deputado estadual pelo Partido Social Democrático. 

Assumiu novamente a secretaria da Fazenda em 1959 e, no mesmo ano, venceu as eleições para a prefeitura do Recife. Miguel Arraes chegou ao governo de Pernambuco em 1962, com o apoio do partido comunista brasileiro. Ele foi responsável, por exemplo, pelo acordo do campo, uma negociação entre os cortadores de cana de açúcar e os usineiros, que criou um salário acima do mínimo para os trabalhadores rurais. Em 1964, Arraes foi cassado e preso pelos militares e se exilou na Argélia. 
Só voltou ao Brasil em 1979 com a lei da anistia. Em 1982, foi eleito deputado federal. Quatro anos depois, governador de Pernambuco, pela segunda vez. Em 1990, deixou o PMDB e criou o Partido Socialista Brasileiro. De 1994 a 1998 governou o estado de Pernambuco, pela terceira vez.